---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

saude
Programa busca diminuir índice de cáries em crianças e adolescentes

Publicado em 15/04/2019 às 16:15 - Atualizado em 15/04/2019 às 16:15

Neste mês de abril, a Secretaria de Saúde de Irati deu continuidade às atividades do Programa Saúde na Escola (PSE). Nesta ação, foram realizadas, pela dentista da Unidade Básica de Saúde (UBS) Fabieli Tasca, avaliações da saúde bucal dos alunos do Centro de Ensino Municipal de Irati (Cemir) e na Escola Municipal Jacutinga.

Nas próximas semanas, as avaliações acontecem com estudantes do Centro Municipal de Educação Infantil de Irati (Cemei) e da EEB Professor Celso Rilla. Para realizar o levantamento epidemiológico, são utilizados os índices de CEO-d e CPO-D, recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS), para medir a experiência de cárie em cada aluno.

Para calcular o índice de CEO-d, a idade de 6 anos é adotada internacionalmente como parâmetro para uso do indicador e 12 anos para o CPO-D. Os valores do índice correspondem aos seguintes graus de severidade: muito baixo (0,0 a 1,1), baixo (1,2 a 2,6), moderado (2,7 a 4,4), alto (4,5 a 6,5) e muito alto (6,6 e mais), o que significa que quanto mais baixo o valor, menor o índice e melhores os resultados.

A média no município, dentre os estudantes avaliados,  para os 6 anos de idade, foi de 2,22 (baixo) considerado um bom resultado, tendo maior índice a turma do 2º ano Vespertino do Cemir 2,76 (moderado) e menor índice, a turma do Pré-escolar da Escola Municipal Jacutinga 0,8 (muito baixo).

Apesar dos bons resultados, a dentista destaca que há uma disparidade na experiência de cárie entre os escolares, onde alguns não apresentaram dentes cariados, perdidos e obturados, enquanto em outros, o nível individual foi elevado.

Conforme a dentista, a cárie dental é o principal problema de saúde bucal de diversos países, a exemplo do Brasil. “Ações de alcance coletivo colaboram para diminuir os índices de cárie e outras doenças bucais”, constata.

Ela cita as atividades de educação em saúde bucal, aplicação de bochechos com soluções fluoretadas e os programas de evidenciação de placa bacteriana, seguida de escovação dental supervisionada, são formas de trabalhar com a prevenção e a promoção da saúde dos estudantes.  

 

 

 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar